Leilão de terrenos: passo a passo para você comprar logo o seu Leilão de terrenos: passo a passo para você comprar logo o seu

Leilão de terrenos: passo a passo para você comprar logo o seu

9 minutos para ler

Muitas pessoas estão aderindo a uma nova maneira de adquirir propriedades, que utiliza a internet e uma empresa leiloeira para dar os seus lances e adquirir um imóvel de seu interesse, por um valor que costuma ser bem abaixo do praticado no mercado. Estamos falando do leilão de terrenos, que permite a você comprar um lote na região que sempre quis, por um preço que cabe no seu bolso.

Ele funciona de uma maneira bastante similar ao de casas e apartamentos, com o diferencial de que o seu custo é, naturalmente, mais baixo. Isso torna esse tipo de aquisição um investimento certeiro para quem quer ir construindo aos poucos ou, simplesmente, lucrar bastante em uma futura revenda. Confira o nosso post e conheça alguns passos para você comprar logo o seu!

O que é o leilão de terrenos e como ele funciona?

O leilão de terrenos é uma forma de comprar esse tipo de imóvel a preços abaixo dos que costumam ser cobrados no mercado, da mesma maneira que ocorre com outros bens leiloados, como casas, apartamentos e carros. Apesar de se diferenciar de uma negociação tradicional, ainda há condições que devem ser observadas nessa transação — aqui, não haverá uma relação entre compradores e vendedores.

Em geral, o leilão acontece depois que o proprietário de determinado bem deixa de pagar o que deve por ele. Pode ser devido à inadimplência de parcelas de um financiamento, por exemplo. Outra situação comum é quando a pessoa oferece um bem como garantia em um empréstimo, e o perde por não honrar com o compromisso.

No casso do leilão de terrenos, assim como os demais, os preços pagos costumam ser menores do que bens similares, oferecidos por imobiliárias. Sendo assim, é uma ótima opção para quem deseja investir nesse mercado, poupando dinheiro e, ao mesmo tempo, aumentando seu patrimônio.

Como funciona

O leilão é aberto a partir de um edital, em que o bem é ofertado. Nesse documento, você encontrará todas as informações importantes sobre o terreno. É importante analisar com detalhes o edital para checar se o imóvel ofertado é mesmo do seu interesse. Então, é só se cadastrar e participar do evento, que pode ser online ou presencial.

O participante faz os lances, respeitando o valor mínimo da oferta. A proposta que tiver o valor mais alto será a vencedora, o que é chamado de arremate do bem leiloado. Então, a pessoa que tiver vencido a concorrência receberá a carta de arrematação para que efetive a transferência do terreno.

Para participar, é obrigatório que a pessoa tenha mais de 18 anos, podendo ser pessoa física ou representar uma empresa. Uma reconvocação pode ocorrer caso não se atinja o valor do lance inicial (nessa situação, poderão ser aceitos lances menores).

Vale lembrar que há, basicamente, dois tipos de leilões, o judicial e o extrajudicial:

  • judicial: ocorre após uma ação na Justiça, quando uma pessoa não paga o que deve e tem seu bem penhorado. Em seguida, ele será avaliado para receber a autorização judicial para leilão. O valor do arremate é usado para o pagamento da dívida original;
  • extrajudicial: costuma ser promovido por instituições financeiras nos casos de inadimplência, quando há alienação fiduciária. Não depende de decisão da Justiça, pois está previsto em contrato.

Quais os passos para a compra em um leilão de terrenos?

Agora que você entendeu o que é e como funciona o leilão de terrenos, provavelmente, tem interesse em participar de um evento desses, certo? Descubra quais são os passos a seguir para não ter erro!

1. Saiba como funcionam os leilões

O primeiro passo para participar de um leilão de terrenos é, logicamente, entender como funcionam os leilões. Esse conhecimento é importante para achar as melhores opções e maximizar o seu investimento.

Felizmente, a internet traz muito mais praticidade e celeridade para sua pesquisa, e você pode utilizá-la para descobrir as opiniões e os feedbacks de antigos clientes. Para atuar no ramo, também é necessário que a instituição conte com as devidas autorizações legais e, geralmente, essas informações podem ser conferidas no site oficial da companhia.

Outro ponto relevante é ir se familiarizando com as etapas e, até mesmo, os termos habituais no universo leiloeiro. Descubra sobre a importância do edital, o que são os lances e o arremate, avaliação, lote e assim por diante. Existe uma espécie de glossário, que pode soar um pouco estranho para quem está chegando na área.

2. Confira as informações do edital

Falando em termos habituais da área dos leilões, um dos mais importantes e recorrentes é o edital. Todo o processo de compra de um terreno que está sendo leiloado deve ser totalmente transparente e é, justamente, nesse documento que os interessados poderão encontrar as informações e os principais dados sobre o bem disponível.

É ali que você pode visualizar detalhes como a data do evento, o valor mínimo para a venda, o estado de conservação do imóvel, a responsabilidade por eventuais custos excedentes (como taxas e impostos), quem é o antigo proprietário, entre outras questões. É uma forma de garantir a lisura e a segurança do processo, para todas as partes envolvidas.

3. Cheque a documentação do terreno

Os documentos de um terreno que esteja indo a leilão são um aspecto essencial no processo de venda. Logo, os interessados devem checar toda a papelada, de forma a analisar os detalhes e eventualidades que possam envolver a propriedade. No entanto, vale ressaltar mais uma vez que, quando o evento for feito por uma empresa séria, você não terá surpresas desagradáveis.

Como alguns bens são leiloados por conta da inadimplência do proprietário anterior, vale a pena dar uma olhada em como está a documentação e checar a presença de alguma dívida ou pendência. No entanto, mesmo que elas existam, tudo vem especificado com clareza. A matrícula do imóvel consta no edital e você pode usá-la para fazer essa verificação.

4. Analise o mercado e compare preços

Aprender um pouco mais sobre o mercado imobiliário é um passo muito importante para quem deseja fazer qualquer investimento no ramo, visto que se trata de um setor muito valorizado e que pode representar um excelente negócio para qualquer pessoa. Por isso, pesquisar e estudar sobre o segmento é altamente recomendável.

Os terrenos estão entre os melhores investimentos possíveis, pois tendem a custar menos do que as outras propriedades, especialmente, quando estão em um leilão. Além disso, eles conferem uma prerrogativa importante para o novo dono, que é a de revender para obter lucro ou construir aos poucos, de acordo com as próprias metas financeiras.

Mais uma vez, a internet surge como um facilitador importante, pois permite que você compare os preços que estão sendo pedidos por unidades similares em uma localização parecida. Com isso, é bastante provável que compreenda que um terreno leiloado pode ser uma opção incrível, sobretudo, se você planejar os lances de forma estratégica.

5. Planeje os lances de forma estratégica

Como dissemos, planejar os lances de forma estratégica é uma obrigação para quem deseja ter o máximo de lucratividade e benefícios participando de um leilão de terrenos. Você deve se valer de todas as informações disponíveis, de maneira que o seu planejamento esteja de acordo com o mercado e com suas próprias expectativas e possibilidades.

Especialistas recomendam que o ideal é definir um teto para a sua oferta final, de forma que exista um valor que guie as suas decisões. Estipule um limite que seja referente à quantia que compense o que você pagará pelo imóvel, e tome cuidado para não se deixar levar pelas emoções, o que evita que o seu orçamento seja comprometido.

6. Tente visitar o local do empreendimento

Por fim, uma das coisas que poucas pessoas sabem, mas que é uma opção corriqueira no universo dos leilões, é a possibilidade de visitar as propriedades que estão disponíveis no lote. No caso de terrenos, a coisa não muda de figura e, com a exceção de alguns casos específicos, você pode ir pessoalmente e conhecer o empreendimento no qual o imóvel está situado.

Por mais que existam fotos excelentes e todas as informações relevantes sejam disponibilizadas no edital, ver com os próprios olhos muda tudo, não é mesmo? Você poderá checar as condições de conservação das imediações, qual é a localização exata e se o local se enquadra nas suas expectativas, anseios e demandas.

Quais as vantagens de fazer esse tipo de investimento?

Já deu para perceber que o leilão de terrenos pode ser muito vantajoso para quem deseja fazer um investimento imobiliário, não é mesmo? O maior benefício, claro, é o financeiro. Afinal, os preços dos imóveis vendidos em leilões costumam ser mais baixos do que o cobrado no mercado.

Melhor ainda se o bem estiver participando de uma reconvocação, podendo apresentar uma queda de 40% a 60% do valor do lance inicial. Sendo assim, a aquisição de terrenos leiloados é vantajosa tanto para quem deseja construir quanto para quem pretende lucrar com a revenda do bem.

Para completar, saiba que você pode participar de leilão de terrenos online. Nessa opção, você contará com segurança, receberá suporte dos profissionais da empresa que realiza o evento, e encontrará uma grande variedade de bens ofertados — além de imóveis, são leiloados roupas, veículos, obras de arte e muito mais!

Como você pôde ver, seguindo essas dicas e tomando os cuidados básicos, participar de um leilão de terrenos pode ser extremamente vantajoso. Ao se planejar com antecedência, é possível direcionar o seu dinheiro para um investimento que, definitivamente, vale a pena. Afinal, uma aquisição desse porte pode significar a realização do sonho da casa própria ou, até mesmo, o início de um empreendimento, já que o comprador também pode construir imóveis para alugar.

Gostou de aprender mais sobre o leilão de terrenos? Quer contar com uma empresa com total expertise e credibilidade no setor? Então, não perca mais tempo e verifique a nossa agenda!

Posts relacionados

Deixe uma resposta