sites de leilão confiaveis sites de leilão confiaveis

Como saber se um site de leilão é seguro? Evite fraudes! Compre com quem é confiável

13 minutos para ler

Já pensou como seria frustrante guardar dinheiro para comprar um carro por meio de um leilão, fechar negócio e posteriormente descobrir que caiu em um golpe? Infelizmente, o crescimento dessa modalidade de vendas também tem atraído golpistas. Nesse sentido, é fundamental saber como buscar sites de leilões confiáveis para garantir um negócio seguro.

A compra por meio de leilão é absolutamente segura, desde que feita com uma empresa com experiência no mercado e confiável. Mas como ter essa certeza? Para isso, fizemos este texto em nosso nome, e de todas as empresas leiloeiras do país. Separamos aqui 8 dicas que você deve verificar para ter certeza de que a empresa é confiável.

Gostaria de obter informações relevantes para ter mais segurança ao participar de um leilão? Acompanhe a leitura!

Como evitar fraudes em sites de leilões?

O avanço tecnológico dos últimos tempos fez com que os leilões realizados na Internet se tornassem mais populares em nossos dias. Houve um aumento considerável das buscas por esse modelo de negociação que levou os criminosos a preparar golpes virtuais para confundir e enganar os compradores. Veja a seguir dicas para não se tornar vítima desses golpistas!

Certifique-se da autenticidade da plataforma

Algumas plataformas são utilizadas pelos leiloeiros para realizar os leilões. Contudo, é importante prestar atenção no ambiente virtual para não participar de operações fraudulentas. Por isso, ao fazer o seu cadastro em uma página, certifique-se da autenticidade da plataforma e da idoneidade do leiloeiro responsável. Escolha uma opção que tenha experiência e credibilidade no mercado.  

Entre em contato com o leiloeiro responsável pelo evento

Os leiloeiros são cadastrados na Junta Comercial do Estado no qual exerce as suas atividades. Geralmente esse órgão disponibiliza no próprio site uma lista dos profissionais oficiais com informações de telefone e endereço, a qual pode ser consultada pelos interessados. Se tiver alguma dúvida, você poderá falar com o leiloeiro para saber mais sobre o leilão. 

Confira o Edital do Leilão

O Edital do Leilão é um documento que contém uma série de informações relevantes para quem deseja participar e ofertar lances. Nele deve constar os dados do leiloeiro e o número da sua matrícula na Junta Comercial. Leia atentamente todas as informações contidas em editais para evitar problemas futuros e para se sentir seguro ao investir o seu dinheiro. 

Agende uma visita

Os bens oferecidos nos leilões ficam acessíveis para a visitação. Agende uma visita se não estiver habituado a fazer esse tipo de negócio e confira o que está comprando. A maioria das ofertas envolve propriedades ou itens que serão vendidos como se encontram, razão pela qual é fundamental averiguar se a negociação trará benefícios.  

Compareça ao pregão físico

Os compradores que não conhecem os leiloeiros podem buscar uma oportunidade de para saber quem eles são. Descubra qual é o endereço físico do local onde acontecerá o pregão e visite o local se sentir alguma desconfiança em relação ao leiloeiro ou ao leilão. O pregão presencial permite o encontro e a participação da solenidade por todos os interessados.  

Atente-se à sua Caixa de Entrada

Vale destacar que grande parte das plataformas usa uma área para fazer o login denominada “Minha Conta”. A participação do leilão depende de o usuário estar logado por meio da inserção de usuário e senha. Observe se há informação de que a plataforma não faz envio de cobranças por e-mail para desconsiderar os boletos que entrarem no seu e-mail. 

Analise os links enviados por mídias sociais

Tenha cuidado com os links recebidos por WhatsApp ou pelas redes sociais. Quando isso acontece, é fundamental verificar se o processo é um padrão de uma empresa que usa esse tipo de ferramenta ou se é um site falso. Para saber se um leilão é confiável faça uma análise das redes sociais dos representantes do negócio.

Confira os detalhes da página

Atenha-se aos detalhes da página, por exemplo, a localidade da empresa e as informações de contato. As informações sobre as regras do leilão devem ser de qualidade, bem como a URL do site precisa terminar com “.com.br”. Ao perceber que a página termina com “.com/br” ou “.com”, procure outra plataforma.

Confira o endereço do site

O primeiro passo para saber se um portal de leilão é seguro consiste em conferir, atentamente, o endereço do site. É preciso que ele seja condizente com a empresa e, principalmente, que não apresente erros de português ou letras fora do lugar.

Nós, por exemplo, não temos sites regionais (Exemplo: Vip Leilões Curitiba). O único site oficial da Vip Leilões é o www.vipleiloes.com.br.

Atente para a grafia do nome da marca

Tome cuidado com sites com a grafia errada, pois algumas pessoas mal-intencionadas podem se valer da proximidade da escrita para enganar os usuários e fazê-los pensar que estão no site oficial de uma empresa confiável.

Isso ocorre, por exemplo, quando dobram algumas letras. Nesse caso, nossa marca poderia ser escrita como Vip Diretto, com duas letras ”T”.

Confira o selo Leilão Seguro

Devido à popularização da modalidade de vendas por leilão nos últimos anos, do mesmo modo que ocorreu em outras áreas, pessoas malintencionadas também criaram sites falsos com a intenção de aplicar golpes em consumidores inexperientes. No entanto, existe um mecanismo para saber se você está em um local seguro.

Para certificar os canais oficiais e combater os sites falsos, a ALEIBRAS (Associação da Leiloaria Oficial do Brasil) criou o Selo Leilão Seguro, disponível somente para empresas idôneas. Esta lista das empresas regulamentadas pode ser conferida neste site.

Verifique a reputação e a semelhança de informações

Busque se existem reclamações nas redes sociais ou outros canais. Desconfie de informações que se contradizem, como números de telefone, aparência do logotipo da empresa.

Confirme também se a descrição dos anúncios está de acordo com as fotos e se o nome da empresa ou o endereço do site está escrito com a grafia correta.

Atente-se aos dados de pagamento

Nenhuma leiloeira exige pagamento antes de o leilão acontecer. Não existe venda direta, ou seja, todos os bens precisam ir a leilão para serem disputados e arrematados por quem der o maior lance. Também desconfie de notas fiscais que não estão em nome da empresa.

Nós não enviamos boleto e não solicitamos pagamentos antecipados pelo WhatsApp. Não negociamos bens fora do leilão. Todo processo de venda é realizado exclusivamente pelo site, durante o pregão.

Analise se o edital é muito conciso

O leilão é uma forma de licitação, portanto, é seguro e regulamentado por um edital que deve descrever tudo o que o participante da modalidade precisa saber. Esse é um item imprescindível, que traz mais segurança e legalidade para as transações.

Sendo assim, não hesite em comparar os dados do edital com o leilão que está sendo divulgado. Se as informações ou o conteúdo forem divergentes, desconfie.

Tire todas as suas dúvidas

Arrematar um produto em leilão não deixa de ser uma compra como outra qualquer. Isso quer dizer que você pode (e deve) saber exatamente o que está comprando, dentro das limitações que esse método, naturalmente, oferece. 

Você também tem o direito de conhecer a empresa e sua reputação. Caso ainda esteja desconfiado, ligue para o local ou converse com o seu canal de atendimento.

Consulte a lista de sites falsos

A Internet é uma poderosa ferramenta de pesquisa que ajuda qualquer cliente mais ativo a evitar que seja vítima de golpes ou compras pouco vantajosas.

Pensando nisso, a ALEIBRAS listou os links dos sites falsos que aplicam golpes por leilão. Confira a lista e faça negócio apenas com site de leilões confiáveis.

Quais são os melhores sites de leilão online?

Como dissemos no conteúdo acima, existem maneiras estratégicas de checar e verificar se o site de leilões é confiável, de maneira que você não apenas ache o item que você está precisando, como também consiga fazer sua compra em total segurança. No entanto, vale lembrar que existem empresas que possuem ainda mais credibilidade.

A VIP Leilões tem mais de duas décadas de expertise no mercado, com ampla experiência pela realização de inúmeros leilões, judiciais e extrajudiciais. São itens variados e profissionais que garantem que o seu investimento seja bem-sucedido, sem risco de fraudes ou da aquisição de produtos que não são condizentes com o que está escrito no edital. 

Quais são as fraudes mais comuns no setor?

Agora que você já aprendeu quais são os itens que precisa verificar para ter certeza de que a empresa é confiável e conheceu um pouco mais sobre a credibilidade da VIP leilões, vamos falar um pouco sobre as fraudes mais comuns, que são praticadas no segmento. Veja, abaixo, alguns exemplos.

Pagamento adiantado no leilão

Uma das fraudes mais comuns do setor é a solicitação de pagamento adiantado por parte do cliente. Essa estratégia é muito vantajosa para um eventual meliante, uma vez que, quando a pessoa se der conta de que existe algum problema, ele já estará com o dinheiro em mãos. Em empresas sérias, você só pagará depois de finalizado o trâmite.

Entrega de carro clonado

Por incrível que pareça, mesmo na compra de um item tão valioso quanto um veículo, ainda existem empresas que praticam golpes contra os seus clientes. Elas podem, por exemplo, entregar um carro clonado ou até mesmo com multas em aberto. Uma instituição leiloeira séria jamais fará isso, entregando apenas produtos perfeitamente legais.

Sites falsos

Como comentamos acima, a troca da grafia do nome da empresa é uma das fraudes mais praticadas no segmento. O mais grave dessa situação é que, na maioria das vezes, quem está tentando ludibriar tenta se passar por um site de leilões seguros, para passar mais credibilidade. Por isso, releia o endereço, conferindo se ele está correto.

Quais são as dicas extras para achar um site seguro?

A tendência de crescimento do uso de sites de leilões online que ocorreu por conta do cenário de isolamento social foi imenso e, definitivamente, é algo que deve durar pelos próximos anos. Por isso, aprender como utilizá-los de maneira segura será cada vez mais importante. Continue lendo e veja mais algumas dicas para fazer isso!

Não faça o pagamento em contas de terceiros

Uma das nossas principais dicas extras para achar um site seguro consiste em jamais fazer o pagamento em contas de terceiros. Esse é um indicativo bastante claro de que há algo de errado, pois empresas falsas ou meliantes utilizam esse tipo de subterfúgio, solicitando transferências como taxas, comissões ou até mesmo a arrematação do item!

Em um leilão online sério, isso não acontecerá. A conta na qual você depositará o valor da aquisição e demais cobranças será a da operadora descrita no portal e nunca de uma pessoa física, por exemplo. Também fique de olho em eventuais gratuidades e outros “benefícios”, pois eles podem ser apenas uma distração para ganhar a sua confiança.

Procure saber se o site é certificado

Com o aumento do número de pessoas comprando pela Internet nos últimos anos e também em função da comercialização de itens de valor elevado, como carros ou mesmo imóveis, se criou a necessidade de novas formas para verificar a idoneidade dos sites e da empresa. Nos dias de hoje, felizmente, existem algumas maneiras de fazer isso.

Ao entrar no portal da instituição leiloeira, você pode procurar pelo “Selo Leilão Seguro”. Ele tem uma tecnologia extremamente confiável e reconhecida pelo mercado, garantindo transações totalmente seguras para os arrematantes. Além disso, no site Leilão Seguro, você pode checar a relação das empresas acreditadas pela “Certificação Leilão Seguro/ALEIBRAS”.

Não deixe de consultar a lista de sites falsos

No tópico acima, você aprendeu como verificar se uma empresa conta com certificações que garantem a sua idoneidade e a credibilidade do portal utilizado para os leilões. Entretanto, se você busca por ainda mais segurança, uma opção altamente recomendável é consultar a lista de sites falsos. Felizmente, não é muito difícil fazer isso.

Uma opção muito simples é utilizar a nossa lista de sites falsos, que conta com páginas que receberam reclamações ou cujas fraudes já foram identificadas por nós. Você também deve utilizar a internet ao seu favor, para ver a legitimidade das gestoras ao considerar as opiniões de antigos clientes, matérias na imprensa ou denúncias de outros usuários.

Verifique a presença nas redes sociais

É bem provável que você, como pessoa física ou até mesmo se tiver algum empreendimento, tenha os seus perfis ativos nas redes sociais, ao menos nas mais populares do momento. Com uma boa empresa leiloeira, isso também acontece. Por isso, se a instituição com a qual você pretende fazer negócio não marcar presença nesse tipo de mídia, desconfie.

Na maioria das vezes, você poderá encontrar facilmente os links que direcionam para os perfis institucionais na própria plataforma da empresa, pois essa é uma maneira de divulgação. Ao acessá-los, veja se há um histórico de postagens e engajamento, além de conteúdos relevantes e relacionados com o segmento.

Com as dicas citadas aqui, você terá mais facilidade para identificar sites de leilões confiáveis. Dessa forma, pode eliminar qualquer receio de participar de um leilão. Afinal de contas, se trata de uma ótima oportunidade para investir em carros e imóveis em bom estado e pagando um valor abaixo do mercado.

Tem interesse em receber mais informações como as deste conteúdo ou está querendo conhecer melhor o universo dos leilões? Então, não deixe de entrar em contato conosco!

Posts relacionados

Deixe uma resposta